Após três meses de queda, produção industrial cresce 1,4% em maio

Fri, 02 Jul 2021 15:43:34 -0300 / 0 Comentários

A produção industrial brasileira cresceu 1,4% na passagem de abril para maio, após três meses consecutivos de queda. Nesse período, a perda acumulada foi 4,7%. A Pesquisa Industrial Mensal divulgada nesta sexta-feira pelo IBGE mostra que, com o resultado de maio, a indústria chega ao mesmo patamar de fevereiro de 2020, no cenário pré-pandemia. Mesmo assim, o setor se encontra 16,7% abaixo do nível recorde, registrado em maio de 2011.

O aumento na produção de alimentos, coque, derivados do petróleo e biocombustíveis e indústrias extrativas, puxou a alta no mês. O setor acumulou ganho de 13,1% no ano e de 4,9% nos últimos 12 meses.

O gerente da pesquisa, André Macedo, ressalta que o resultado positivo de maio não significa uma reversão do saldo negativo acumulado nos meses de fevereiro, março e abril. E, explica, que os resultados negativos nos últimos meses têm uma relação direta com o agravamento da pandemia, no início de 2021. Porém, segundo ele, na comparação com 2020, os resultados são melhores.

Na comparação com maio do ano passado, a produção industrial cresceu 24,0%, a segunda taxa mais elevada desde o início de janeiro de 2002.

Logo Radioagência Nacional